Esculturas de Búzios

Esculturas de Búzios

Obras da artista Christina Motta encantam e dão vida ao balneário

Quem nunca se encantou com a escultura em bronze de Os Três Pescadores ou tirou uma selfie com a estátua de Brigitte Bardot, ambas na orla que leva o nome da atriz francesa? Poucos sabem, mas as belas obras de arte são assinadas pela artista plástica Christina Motta, que vive em Búzios há mais de 20 anos.

Inaugurada em 2000, a escultura dos pescadores ficou em primeiro lugar no ranking do site ArtsInterface.org, em pesquisa realizada em 2015. O objetivo do concurso era apresentar o melhor da arte em espaços abertos, interagindo com o ambiente, fosse ele natural ou urbano. 

Foram selecionadas 26 obras em bronze, ferro e pedra de diferentes lugares do mundo. O resultado final levou em consideração a composição entre obra e ambiente, a história e o que elas representam na comunidade em que estão inseridas. A escultura de Búzios retrata três puxadores de arrastão à beira-mar, em homenagem aos pescadores da antiga aldeia. A obra fica a 30 metros da areia, sobre pedras e ganha iluminação à noite. Prêmio merecido, não?

Arte por toda a parte

Engana-se quem pensa que as duas esculturas são as únicas de Christina na cidade (a primeira foi Brigitte, em 1999). Os trabalhos, sempre lúdicos, espalham-se pela península, ocupando os mais variados cenários. Tem o “Menino no poste”, a “Menina na fonte” e o “Gato no telhado”, todos na bela Travessa dos Arcos, na Rua das Pedras; além das “Crianças nos Ossos” e a “Garota dos Ossos”, ambas na bucólica Praça dos Ossos.

E tem ainda a “Homenagem ao Quilombo”, no trevo da Rasa, que retrata um pai levantando o filho; a “Vela de Windsurf”, no Pórtico (em parceria com o artista Nestor Angel Paul); e a “Homenagem à Bíblia”, em uma praça de Manguinhos.

Personagens reais

Uma das características mais marcantes do trabalho da artista é que todas as dez esculturas em Búzios são feitas a partir de personagens reais. As “Crianças nos Ossos” foram inspiradas em Francisco e a Manoela Paz, filhos de um casal amigo da artista  (Ana e Mario Paz). O cachorro que está com eles era de Christina, chamado Tango. Já o “Menino no poste” era um garoto argentino que não mora mais em Búzios, enquanto a “Menina na fonte” já é uma moça.

Christina nasceu em São Paulo e viveu em Londres até se mudar para Búzios. Suas esculturas em bronze estão espalhadas pelo mundo, em países como Alemanha, Bélgica, Chile, Colômbia, Côte D’Ivoire, Estados Unidos, Grécia, Holanda, Líbano e Suécia (coleções particulares).

Em locais públicos, podem ser conferidas em cidades como São Paulo, (“Homem na Chuva”, no Parque do Povo), Rio de Janeiro, (Tom Jobim, no Arpoador) Belo Horizonte (MG), Rio Branco (AC), Barra de São João (RJ) e Arraial do Cabo (RJ), além de Alcester, na Inglaterra. Mas são Os Três Pescadores a obra preferida de Christina. Quem discorda?

Reserve agora sua hospedagem em uma de nossas pousadas!

Esculturas de Búzios"> Share

Deixe um comentário