Alimentação saudável no verão

    Alimentação saudável no verão

    Uma grande preocupação de quem está sempre cuidando da forma física, é como manter o ritmo saudável quando se está fora de casa, principalmente, curtindo o dia na praia. Elaborei algumas dicas valiosas para não deixar a saúde de lado. Antes de tudo, precisa ter em mente que deve comer para viver e não viver para comer, ou seja, comer somente o necessário para estar alimentado e não para estar empanzinado. A saciedade está no processo digestivo e comer lentamente permite que o cérebro receba a informação de satisfação. Se esse conceito já foi assimilado, então pode partir para as dicas mais objetivas, como:

    1) Beber bastante água. Água não é suco, refrigerante, mate ou cerveja. É água!!! O correto é começar pela manhã com 200 ml de água em jejum, e beber ao menos 10 copos de 200 ml ao longo do dia.

     

    2) Um bom café da manhã permitirá curtir três horas de praia sem muito apetite. Então, aposte em pão integral com queijo minas, uma fruta, café e iogurte, mas nada de exagerar. Cafés da manhã de hotéis são recheados de armadilhas como salsicha, bolos, croissants, doces… Cuidado! Muita gordura sem necessidade pode causar “estufamento” abdominal e gases.

    3) Na praia há muitas opções, mas também alguns perigos. Consumir saladas de frutas que foram manipuladas sem higiene e estão expostas ao calor pode ser uma cilada. O ideal é levar uma fruta como a banana, que sacia e é fácil de transportar. Consuma frutas secas como damascos ou ameixa preta, no máximo cinco unidades. Um mix de castanhas, com amêndoas, castanhas do Pará e nozes é muito nutritivo, mas não ultrapasse um punhado que caiba na palma da sua mão.

    4) Ih!!! O almoço vai sair tarde! Hoje vai dar praia até o por do sol! A dica é levar um sanduíche natural com pão integral, creme de ricota, frango desfiado ou peito de peru. Se não tiver como preparar, opte por comprar sanduíches industrializados, como os vendidos nas lojas de conveniência dos postos de gasolina. Costumam ter maior controle de qualidade.

    5) Final de tarde, que tal um peixe assado com salada e arroz, típico de regiões praianas? Esse calor não pede comidas pesadas.

    6) Tem gente que não resiste a uma sobremesa, então a melhor escolha é um picolé de frutas.

    7) Opa, momento da preguiça! Hora de recuperar as energias para curtir uma noite agradável. Não deixe de beber água e evitar comer guloseimas.

    8) Hora do jantar! Não sabe o que comer, alguns querem crepe, outros carne com risoto, dúvida cruel. Se for optar pelo crepe, invista nas opções de massa integral com tomate, orégano e queijo branco. Se preferir a carne, pode variar do carpaccio ao filé, mas tudo dependerá do acompanhamento. A melhor escolha é uma salada ou legume. O risoto pode ser consumido, mas, sem acompanhamento.

    9) Quando esticar a noite nas boates, o que beber? O correto seria evitar o álcool, pois existe o risco de desidratação, porém, convencer a galera de ir para a night sem beber é quase impossível. A sugestão é ficar nas bebidas mais leves, como cerveja e espumante, e sempre intercalar com 250 ml de água entre uma dose e outra.

    10) O dia encerrou para todos, já é madrugada e queremos estar novinhos em folha para a praia seguinte. Então, se ainda tiver disposição, beba água ou faça um chá de capim cidreira e coma uma maçã antes de dormir. Isso vai melhorar a qualidade do sono e recuperar as forças.

    Seguindo essas dicas, suas férias serão muito mais saudáveis. E, quando voltar à rotina, estará leve e pronto para curtir o próximo feriadão! Aproveite o ritmo e, ao retornar, consulte uma nutricionista para equilibrar seu cardápio e colocar sua dieta em dia novamente!

    Fernanda Machado Soares – Nutrição Clínica e Ortomolecular – www.fernandamachadosoares.com.br – Instagram: @codigodiet

    Deixe um comentário